Pages Menu
Facebook
Menu

Posted on ago 31, 2016 in Texto | nenhum comentário

Os Sutras de Patanjali, Capitulo 1.3

Os Sutras de Patanjali, Capitulo 1.3

तदा द्रष्टुः स्वरूपेऽवस्थानम्॥३॥
Tadā draṣṭuḥ svarūpe’vasthānam||3||
No estado de Yoga, aquele que vê se estabelece em sua verdadeira essência
20160831_yoga_sutras_cap1_3

Tadā é uma palavra Sânscrita que significa “então”, neste caso se referindo a um assunto posterior, já Draṣṭuḥ pode ser traduzida como “observador”, no caso do Yoga Sutra o observador é o “si-mesmo” (Purusha), a palavra Draṣṭā vem da raiz dṛś, “ver percerber”, Svarūpe pode ser traduzida como “essência” também é possível encontrar como tradução “sua própria forma”, e Avasthānam, que pode ser traduzido como “permanência”.

Todos os sutras estão ligados por um fio que conecta um verso ao outro, naturalmente ao longo dos anos tem surgido inúmeros comentários sobre este texto, alguns com diferentes interpretações, outros abordando a leitura dos sutras de maneira distinta, como pegando palavras isoladas, e estabelecendo uma teia que conecta um verso exposto em um capitulo com outro exposto em outro capitulo, mas a forma mais tradicional é seguir a própria ordem proposta por Patanjali, um sutra após o outro.

No sutra 1.2 vimos o que é o Yoga, já neste vemos o que acontece quando se esta em Yoga, ou seja “aquele que vê se estabelece em sua verdadeira essência” quem vê é Purusha, e a verdadeira essência é a “verdade que permeia toda existência”. Somente quando o praticante consegue acalmar os movimentos da mente, é possível ter uma imagem real de si mesmo, aquele ser que não é influenciado pelo espaço, tempo.

A partir daí o praticante começa a ter uma ideia real do seu dever no mundo, a pergunta “qual o meu papel neste universo?” deixa de existir, somente a ação em harmonia com o “universo” prevalece.

No próximo sutra, veremos o que acontece quando aquele que vê, se mantem em relação com os Vritts.

Boas práticas e bons estudos.

Luz e paz
YogaSadhana108 LSG

Texto originalmente publicado no Blog YogaSadhana108.

Post a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *